Logística: 10 tendências tecnológicas essenciais para 2019

Home/Automação, Logística/Logística: 10 tendências tecnológicas essenciais para 2019

Logística: 10 tendências tecnológicas essenciais para 2019

Empresa de consultoria empresarial Gartner sinaliza inovações imprescindíveis no setor logístico do ano que vem

Será que a indústria está preparada para começar 2019 da forma que deveria? Apostar em tecnologia vai deixando de ser um diferencial para, aos poucos, se tornar uma necessidade estratégica que visa reduzir custos, aumentar a eficiência e oferecer segurança.

Nosso Blog traz mais um indício sobre a importância da inovação dentro da logística.

Novos modelos de negócios em 2019 serão impulsionados por 10 tendências tecnológicas poderosas, incluindo alguns conceitos conhecidos como veículos autônomos e blockchain, e outros que apenas agora começam dar as caras no mercado. O relatório da consultoria Gartner Inc. elencou diversos conceitos e inovações.

Vale ressaltar que a lista foca apenas naquelas tendências que têm um potencial disruptivo substancial que estão começando a sair de um estado emergente.

As 10 tendências tecnológicas para a logística segundo relatório da Gartner:

  • Dispositivos autônomos: robôs, drones e veículos autônomos exibirão cada vez mais comportamentos avançados que interagem mais naturalmente com o ambiente e com as pessoas;
  • Análise ampliada: uma área de inteligência aumentada usando aprendizado de máquina (machine learning) em vez de cientistas de dados para automatizar o processo de preparação de dados, geração e visualização de insight;
  • Desenvolvimento orientado pela IA: criação de soluções aprimoradas por IA (inteligência artificial) usando modelos predefinidos entregues como serviço e designação de co-desenvolvedores de inteligência artificial para ajudar os humanos em projetos de desenvolvimento de aplicativos;
  • Gêmeos digitais: representações digitais de entidades ou sistemas do mundo real que podem ajudar os usuários a aplicar análises e regras para responder aos objetivos de negócios.
  • Borda autônoma: coleta e processamento de dados diretamente nos dispositivos de extremidade usados ​​por pessoas ou incorporados no ambiente ao redor, em vez de servidores centralizados;
  • Experiência imersiva: plataformas de conversação, – como realidade virtual (RV), realidade aumentada (RA) e realidade mista (MR)- podem mudar a forma como as pessoas percebem o mundo digital;
  • Blockchain: um livro organizado que pode permitir a confiança, fornecer transparência e reduzir o atrito entre os ecossistemas de negócios;
  • Espaços inteligentes: ambientes físicos ou digitais nos quais os seres humanos e os sistemas com tecnologia interagem de formas cada vez mais abertas, conectadas, coordenadas e inteligentes;
  • Ética e privacidade digital: como as informações pessoais das pessoas estão sendo usadas por organizações nos setores público e privado;
  • Computação quântica: um tipo de computação não-clássica que opera no estado quântico de partículas subatômicas e pode lidar com problemas muito complexos para abordagens tradicionais ou algoritmos.

Embora a Gartner tenha identificado essas tendências como temas gerais e abrangentes do setor, cada uma poderia se aplicar especificamente à logística de várias maneiras, disse a empresa.

Solução inovadora para Gestão Logística: hunter™ IoT Visibility Manager

A GTP Automation oferece o hunter™ IoT Visibility Manager, uma plataforma de automação que identifica, captura, rastreia e garante fidelidade da informação desde a coleta dos dados à sua entrega para os softwares de gestão.

Essa ferramenta pode controlar e gerenciar processos, além de identificar sensores, atuadores e transponders RFID.

Outras tarefas que o hunter™ IoT Visibility Manager, via sensores, realiza:

  • Mede condições ambientais (temperatura e umidade);
  • Comanda abertura e fechamento de portas;
  • Comanda circuitos fechados de TV;
  • Envia mensagens por SMS;
  • Monitoração de ambientes (Pátios, Portos e Aeroportos);
  • Envia Alarmes e Emissão de Alertas;
  • Monitora abertura e fechamento de lacres;
  • Realiza integração entre componentes.

Saiba mais clicando aqui.

Com informações: Logistics Brief

About the Author:

Ivan Monteiro
Colunista do blog da GTP Automation, Ivan Monteiro é jornalista com Pós-Graduação em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais.

Deixe um Comentário