Internet das Coisas: algumas previsões para 2019 

Home/Automação, Internet das Coisas (IoT)/Internet das Coisas: algumas previsões para 2019 

Internet das Coisas: algumas previsões para 2019 

As soluções de Internet das Coisas (IoT) seguem em alta! 

A Internet das Coisas (sigla IoT, que deriva do inglês Internet of Things) não está apenas mudando a forma como as empresas operam, mas também como as pessoas vivem. Com a ampla disponibilidade de sensores, infraestruturas de nuvem, plataformas, análises e muito mais, a tecnologia de IoT evoluiu nos últimos anos. Porém, em 2019, a presença da IoT na empresa se transformará como um todo. Falamos mais sobre o assunto no texto a seguir! 

De acordo com as previsões da Forrester para 2019 contidas em seu relatório sobre Internet das Coisas, divulgado na última semana pelo portal TechRepublic, algumas das tendências que moldará as empresas são:

Os serviços de IoT integrados tentarão motivar um mercado consumidor em desaceleração

A visão de uma casa inteligente interconectada e centralizada é atualmente mais um sonho das empresas, e não dos consumidores, disse o relatório. No momento, os consumidores estão migrando para o segmento de dispositivos domésticos inteligentes, comprando um dispositivo habilitado para uma utilidade por vez, o que provavelmente continuará em 2019, acrescentou o relatório. Embora as indústrias possam tentar agrupar serviços e aderir a descontos como incentivos, os consumidores não estão preparados para esse tipo de conectividade integrada.

“A realidade de conectar muitos dispositivos e ambientes diferentes, para muitos consumidores, ainda não está acontecendo. Portanto, o ímpeto inicial certamente ainda está vindo das empresas”, disse Michele Pelino, principal analista da Forrester em infraestrutura e profissionais de operações.

IoT como um termo genérico irá diminuir

A utilização do conceito vai mudar de um termo ambíguo para o uso real da tecnologia, disse o relatório. “A Internet das Coisas não é valiosa por si só”, disse Pelino. “É sobre os casos de uso, é sobre as soluções, é sobre os aplicativos, gerenciamento e monitoramento de ativos, soluções de gerenciamento de desempenho, diferentes tipos de soluções que se juntam para resolver um problema — é realmente essa a proposta de valor.”

“Não importa o que você chame de conceito de IoT, mas compreenda que se trata de um uso que está resolvendo um problema: monitora os recursos de um sensor, entende o que está acontecendo, lida com análises em tempo real, reúne elementos de aplicação no serviço e envolve a segurança em torno disso”, acrescentou Pelino.

Solução inovadora para Gestão Logística: hunter™ IoT Visibility Manager

A GTP Automation oferece o hunter™ IoT Visibility Manager, uma plataforma de automação que identifica, captura, rastreia e garante fidelidade da informação desde a coleta dos dados à sua entrega para os softwares de gestão.

Essa ferramenta pode controlar e gerenciar processos, além de identificar sensores, atuadores e transponders RFID.

Outras tarefas que o hunter™ IoT Visibility Manager, via sensores, realiza:

  • Mede condições ambientais (temperatura e umidade);
  • Comanda abertura e fechamento de portas;
  • Comanda circuitos fechados de TV;
  • Envia mensagens por SMS;
  • Monitoração de ambientes (Pátios, Portos e Aeroportos);
  • Envia Alarmes e Emissão de Alertas;
  • Monitora abertura e fechamento de lacres;
  • Realiza integração entre componentes.

Saiba mais clicando aqui.

Por | 2018-11-16T13:13:14+00:00 13/11/2018|Categories: Automação, Internet das Coisas (IoT)|Tags: , , |Comentários desativados em Internet das Coisas: algumas previsões para 2019 

About the Author:

Ivan Monteiro
Colunista do blog da GTP Automation, Ivan Monteiro é jornalista com Pós-Graduação em Comunicação e Marketing em Mídias Digitais.